Teste de velocidade

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Notícias

WhatsApp sugere ao TSE regra para proibição de mensagens massivas

Disparos nas eleições são o principal motivo

Depois das acusações de que o Whatsapp foi um importante canal de disparos de mensagens falsas durante as eleições, o aplicativo quer apertar o cerco para que essas ações sejam pelo menos evitadas.

Logo após as acusações de fraude feitas pela Folha de São Paulo, os termos de uso do app foi alterado, alegando que quem utilizar o serviço para mensagens de spam, será processado pela empresa. Além disso, o Whatsapp limitou a quantidade de mensagens encaminhadas para cada usuário, diminuindo o alcance de cada uma.

Com o TIM Black você aproveita suas redes sociais favoritas e ainda tem muita internet para navegar como quiser! Acesse e aproveite já!

Whatsapp e as reuniões no TSE

Desde então, não só o Whatsapp como outros serviços de mensagens, estão fazendo reuniões com o TSE para diminuir a quantidade de disparos SPAM para as eleições municipais de 2020.

Na semana passada, o Facebook propôs ao TSE que o disparo de mensagens em massa passe a ser proibido. Mesmo que os termos de uso dos aplicativos tenham suas regras, isso não é lei e não teria penalidade perante a justiça aos partidos e candidatos que fizessem tal prática.

Bom, resta agora aguardarmos a decisão do TSE para as próximas eleições. Mas, de qualquer forma, as fake news vão sempre ser um problema porque são muito difíceis de serem controladas.

 

Quer economizar no seu plano de celular e banda larga? Confira aqui as melhores ofertas da semana!

voltar para o top