Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Xbox

The Golf Club 2 – Review

Com mecânicas complexas e variedade de campos, The Golf Club 2 é uma boa evolução da primeira edição do game.

É inegável que muita gente deve ter certa resistência a um jogo de golfe. Afinal, mesmo na sua versão física, o esporte não está entre os mais populares. Acompanhar um jogo de golfe não é exatamente uma das maiores curiosidades dos não adeptos. E, por um bom tempo, os games também não criavam muitas curiosidades sobre a modalidade.

Contudo, a primeira edição do game The Golf Club deixou a mecânica simplista de “mira na bolinha e espera para ver no que dá” de lado. Com mecânica bem mais complexa, The Golf Club 2 repete, e melhora, essa fórmula. Os jogadores contam com ferramentas para controlar os detalhes das tacadas e, assim, avançar nos campos.

Dessa forma, The Golf Club 2, assim como a edição anterior, explora bem as nuances dos esportes, inclusive suas dificuldades.

Esse é um dos jogos disponíveis no Xbox Game Pass, serviço de assinatura de games da Microsoft que oferece acesso a centenas de títulos para Xbox One. Outros games disponíveis são Devil May Cry: Definitive Edition, Halo 5: Guardians e Life is Strange 2, além de jogos exclusivos para Xbox One.

Veja mais detalhes sobre The Golf Club 2:

 

Controle nas tacadas

 

Ter total controle sobre a ação do taco na bolinha é um dos pilares do golfe, e muitas vezes ficava esquecido nos games do esporte. Ponto positivo do The Golf Club 2, que permite que o jogador ajuste detalhes como a altura em que o taco vai acertar na bola, o ângulo e a intensidade da tacada. Além, claro, de escolher o taco certo para cada lançamento, o que também é essencial, entre outros detalhes.

Com isso, o game acompanha as reais dificuldades de um campo de golfe. E, à medida em que o jogador entende cada uma dessas mecânicas, o jogo fica menos e menos monótono. Afinal, cada acerto é uma conquista, e é fácil se pegar tentando entender em quais pontos você deve trabalhar a sua tacada.

O jogo vai direto ao ponto, com a criação de um avatar e escolha dos campos. Embora a personalização esteja mais avançada do que era na primeira edição, ainda é um processo simples e rápido. Também é válido acompanhar o tutorial para entender as mecânicas principais de The Golf Club 2.

 

Para conhecer esses e outros games, acesse a loja do Xbox e fique por dentro de todas as novidades do Xbox One.

 

Jogo individual e criação de equipes

 

Quem quer só passar o tempo sem grandes compromissos,  pode escolher entre os campos disponíveis. São 18 oficiais e uma séries de criações e colaborações dos outros jogadores. É possível importar os campos da edição anterior, uma ótima notícia para os antigos fãs do game. Ou então, você pode criar os seus próprios campos e compartilhá-los. Desde campos nonsense até os mais tecnicamente corretos, tem de tudo por ali.

Já o Modo Carreira deve ser jogado online. Sem muitos mistérios, o jogador vai ganhando pontos de acordo com sua evolução nos campos e cumprimento de desafios específicos. Esses pontos podem ser trocados por itens extras, participação em mais eventos e outras atividades.

Também no modo online, é possível participar de clubes com outros jogadores, que podem jogar em horários diferentes. Pode-se definir as habilidades mínimas para cada participante, além de detalhes personalizados, como cores e emblemas. Nesse caso, uma parte da pontuação de todos os jogadores é destinada à melhorias no clube.

Com mecânicas tão complexas quanto o jogo original e muitas opções para melhorar as habilidades, The Golf Club 2 é um jogo de esporte muito bom. Seu sistema bem construído e as diferentes opções de modos de jogo permitem que você escolha a melhor forma de explorar os muitos campos disponíveis. Contudo, é claro, um mínimo interesse em golfe se faz indispensável.