Segurança

Superaquecimento do Smartphone: saiba como evitar

O superaquecimento do smartphone pode causar sérios danos ao aparelho. Seu celular anda esquentando demais? Veja as possíveis causas e como evitar!

Se o seu celular anda esquentando demais, saiba que isso pode prejudicar, e muito, o aparelho. O superaquecimento do smartphone pode levar à queda no desempenho, além de danificar componentes do hardware, fazendo com que ele pare de funcionar.

Para se ter uma ideia, em 2016, quando a Samsung lançou o polêmico Galaxy Note 7, sua bateria grande demais atrapalhava o resfriamento dos componentes do celular, o que levava ao superaquecimento do smartphone e, consequentemente, sua explosão.

Claro que esse caso foi uma exceção. No geral, as marcam tomam várias medidas de segurança para evitar o superaquecimento do smartphone, e não é preciso se preocupar como uma possível explosão.

Quer saber o que leva ao superaquecimento do smartphone e como evitar que o aparelho seja danificado por causa do excesso de calor? Confira nas dicas a seguir.

 

Capa protetora pode impedir resfriamento

É muito importante proteger o celular com capinhas. Além do conserto de itens como tela serem bastante caros, alguns danos causados por quedas podem ser irreversíveis. Portanto, não é recomendável abrir mão de capas.

Porém, se observar que o aparelho está esquentando demais, experimente tirar a capa para verificar se não é o acessório que está elevando a temperatura do celular. Isso porque ela pode abafar o aparelho, servindo como espécie de estufa.

Depois de remover a capinha, tente manter o celular em um local arejado e não muito quente para saber se o grande vilão era mesmo o acessório. Caso você perceba que é realmente a capa que está superaquecendo o smartphone, tente trocar o modelo para ver se o problema é resolvido dessa forma.

 

Exigir demais do hardware pode levar ao superaquecimento

Smartphones top de linha como Galaxy S9, iPhone X e LG G7 ThinQ costumam lidar bem com a abertura de muitos aplicativos ao mesmo tempo, ainda que eles sejam pesados e exijam muito poder de processamento.

No entanto, aparelhos de entrada e intermediários podem não lidar tão bem ao executar as mesmas atividades, já que elas exigem mais energia, o que leva ao aumento do calor. Em caso de superaquecimento do smartphone, feche os aplicativos abertos e verifique também quais estão rodando em segundo plano para que sejam fechados.

Ainda assim, pode ser que o smartphone continue esquentando. Nesse caso, faça uma limpeza nos seus aplicativos, removendo aqueles que usa pouco ou nem precisa mais.

 

Widgets e papeis de parede animados não são recomendados

Assim como no caso dos aplicativos, widgets e papeis de parede animados podem exigir mais do processamento do smartphone, levando ao superaquecimento. Elimine os widgets que não usa, como de previsão do tempo ou pesquisa, e prefira um papel de parede estático para ajudar a manter o celular na temperatura ideal.

 

Superaquecimento do smartphone pode ter a ver com temperatura ambiente

Sabe aqueles dias de verão em que as temperaturas ultrapassam facilmente os 40 graus? Isso também pode afetar o funcionamento de aparelhos eletrônicos, como os celulares, principalmente porque suas baterias de íon-lítio são sensíveis a temperaturas superiores a 30 graus.

Para evitar o superaquecimento do smartphone em dias, ou épocas assim, tente manter o aparelho em local com temperatura mais amena e longe do sol. O que pode ajudar é também não deixar o celular no bolso em uma mochila, por exemplo. O ideal é evitar que o smartphone fique abafado e esquente ainda mais.

 

Dê preferência a carregadores originais

Um dos motivos do superaquecimento do smartphone pode ser um defeito no carregador. Modelos falsificados ou que não passaram por um controle de qualidade adequado podem oferecer riscos ao aparelho através de curto-circuitos ou outras panes elétricas.

Sendo assim, o ideal é sempre comprar produtos originais ou compatíveis com o seu modelo de celular. Opte por marcas conhecidas e compre em lojas confiáveis. Evite produtos vendidos sem nota fiscal ou garantia. Apesar de serem mais caros, carregadores originais evitam gastos extras com o conserto do aparelho, caso aconteçam danos por causa de superaquecimento.

Se, durante o carregamento, você notar que a parte traseira do aparelho inchou, pode ser um sinal de que a bateria está apresentando defeitos. Nesse caso, retire o aparelho da tomada imediatamente e busque a assistência técnica o mais rapidamente possível para fazer a troca e evitar que a bateria vaze ou mesmo exploda na próxima recarga.

Não é comum que isso aconteça, mas é bom ficar de olho! Vale lembrar ainda que durante a recarga do celular é comum que ele fique um pouco mais quente que o normal. Então, não se preocupe!

 

Bateria também pode ser responsável por superaquecimento do smartphone

Por fim, pode ser que o problema de superaquecimento do smartphone esteja ligado à bateria do celular. Apesar de não ser comum, é possível que aconteça, até por algum lote defeituoso do modelo do celular, por exemplo.

Caso você já tenha tentado outras maneiras de fazer com que o celular não superaqueça e não tenha tido sucesso, tente trocar a bateria do aparelho. Para isso, o mais recomendado é procurar uma assistência técnica, que possa fazer o serviço usando peças originais e te dê garantia do conserto.

Deixe um comentário

avatar