icone office 365

R$40 de desconto no Office 365 com o cupom: CD40

Teste de velocidade

Xbox

Shadow Tactics: Blades of the Shogun – Review

Passado na época dos Samurais japoneses, o jogo tem foco em estratégia e não deixa nada a desejar

Shadow Tactics: Blades of the Shogun é um game produzido pela Mimimi Productios e lançado em 2016. Com seu foco total em estratégia, ele é quase jogado em tempo real e se passa no período Edo da história japonesa.

O Japão dessa época tinha acabado com suas guerras isoladas e estava unificado no poder de um imperador. Foi aí o auge dos ninjas e é, também, com eles que o jogo acontece. Nesse período, o imperador tinha poder absoluto, mas contava com o controle local de grandes generais.

É aí que entra Hayato, nosso personagem principal em Shadow Tactics: Blades of the Shogun, um ninja mercenário, contratado para ser infiltrado em uma fortaleza em conflito. Hayato conta com um mestre samurai, disposto a fazer o que for para proteger o Japão.

Shadow Tactics: Blades of the Shogun, sua história e táticas de jogo

Ao longo da trama, Hayato conhece diferentes personagens, dentre eles atiradores de elite, aspirantes a ninja e uma assassina especialista em disfarces. Em meio a rebelião para enfraquecer o imperador, os 5 personagens principais do jogo devem se unir para defenderem o país, no melhor formato espião, envolvendo muita estratégia.

O forte de Shadow Tactics: Blades of the Shogun não é a história do jogo e seus acontecimentos previsíveis, mas sim o carisma dos personagens que, inclusive, conversam entre si sobre assuntos diversos no decorrer das fases.

Como é um jogo que acontece em tempo real, os jogadores devem sempre estar atentos à suas posições e aos acontecimentos a sua volta, já que a qualquer momento os personagens podem ser descobertos pelo inimigo.

Existem diferentes tipos de inimigos, desde os azuis (composição normal da guarda), os vermelhos (quando há alertas) e os samurais, que são os mais perigosos e só podem ser derrotados pelo mestre de Hayato.

Um grande ponto positivo para Shadow Tactics: Blades of the Shogun é que o jogador pode jogar com qualquer um dos cinco personagens e cada um deles tem suas habilidades específicas, bastante necessárias, dependendo da situação em que se encontram.

O jogo peca um pouco na movimentação e no tempo de câmera, mas como é possível salvar tudo, isso acaba não atrapalhando tanto.

O gráfico do jogo é impecável até mesmo na composição dos personagens, e cada fase é uma nova paisagem incrível. Para seguir nas missões, você pode escolher se o nível é fácil, médio ou difícil, o que facilita muito a jogabilidade.

 

Assine já o Game Pass para aproveitar Shadow Tactics: Blades of the Shogun e mais de 100 outros jogos!

voltar para o top