Teste de velocidade

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Notícias

Qualcomm e Ericsson pedem pressa do leilão das frequências 5G da Anatel

Empresas reforçam que país pode estar na vanguarda da tecnologia.

Após o receio de que a rede 5G no Brasil atrapalhe o sinal de antenas parabólicas e sugestões de alterações no edital, o leilão de frequências 5G no Brasil pode ser adiado para o quarto trimestre de 2020. 

Entretanto, fabricantes de peso como Qualcomm e Ericsson solicitam o avanço das negociações. O pedido foi realizado durante uma audiência pública na Câmara dos Deputados, organizada pela Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional, dia 27 de novembro.

Segundo representantes das fabricantes, a agilidade com instalação da conexão 5G pode colocar o Brasil em posição de vanguarda na nova tecnologia.

 

Informe Publicitário
CLARO

CLARO CONTROLE

4GB
A partir de
R$
64,99

por
mês

TIM

TIM CONTROLE

5,5GB
A partir de
R$
64,99

por
mês

OI

OI CONTROLE

6GB
A partir de
R$
39,99

por
mês

VIVO

VIVO CONTROLE

4GB
A partir de
R$
49,99

por
mês

 

O representante da Ericsson afirmou, ainda, que a rede 5G não causaria nenhuma interferência no sinal de antenas parabólicas. De acordo com relatório da companhia, o adiamento da licitação para 2021 pode fazer com que o governo brasileiro deixe de arrecadar R$ 25 bilhões em impostos.

Já o presidente da Qualcomm reforçou que, ao adiar o projeto, o Brasil pode deixar de ser o primeiro da América Latina a oferecer a conexão 5G para se tornar um dos últimos.

Enquanto a rede 5G não chega no Brasil, aproveite a velocidade da conexão 4.5G nos planos Claro Controle por apenas R$ 49,99 por mês!

Operadoras brasileiras não mostram pressa pela chegada da rede 5G

Apesar do posicionamento das empresas fabricantes, as operadoras brasileiras não parecem se importar com um possível atraso na instalação da conexão 5G no Brasil.

Representantes da Claro e da Vivo afirmam que o mais importante é focar na segurança dos investimentos da nova tecnologia. Já a TIM mostra preocupação com a chegada de investidores internacionais, que podem revender espectros de frequência por valores mais altos, caso levem a melhor no leilão da Anatel. Já a Oi precisa encontrar uma estratégia para que a chegada do 5G funcione como uma saída da crise pela qual passa.

Porém, vale lembrar que todas as operadoras já trabalham em testes com a conexão 5G. 

Por exemplo, a Claro realizou ações durante a Futurecom 2019, enquanto a TIM inaugurou um laboratório 5G na região Nordeste, para trabalhar em inovações da nova tecnologia. A Oi aproveitou o Rock in Rio 2019 para testar a capacidade de sua conexão.

Quer economizar no seu plano de celular e banda larga? Confira aqui as melhores ofertas da semana!

voltar para o top