Curiosidades

Qual empresa vendeu mais celular em 2018?

Samsung, Apple, Motorola... Você sabe qual empresa vendeu mais celular em 2018? Confira o ranking do terceiro trimestre de 2018!

No Brasil, é muito comum as pessoas terem celulares de marcas como Samsung, Apple, LG e Motorola. Entretanto, essas não são necessariamente as empresas que mais vendem celular no mundo.

No último ano, por exemplo, a Huawei passou a Apple e se tornou a segunda empresa que vendeu mais celular no segundo trimestre de 2018. No entanto, a Samsung manteve a primeira posição, sendo a responsável por 20,9% das vendas de smartphone em todo o mundo.

Os dados são de um dos levantamentos mais recentes disponíveis, feito pela empresa líder em inteligência de mercado International Data Corporation (IDC). Porém, as informações são referentes ao segundo trimestre de 2018. Contudo, foram levadas em consideração todas as fabricantes de smartphone do mundo. Confira a seguir o resultado da pesquisa.

Encontre os melhores celulares na loja online da TIM e garanta junto um pacote de internet perfeito para você!

 

Lista das empresas que venderam mais celular em 2018

 

De acordo com levantamentos anteriores do IDC, o segundo trimestre de 2018 foi o terceiro seguido em que a venda de celulares recuou em todo o mundo (-1,8%).

Todavia, uma das causas apontadas pelo IDC é a saturação do mercado. A ausência de grandes novidades nos lançamentos das fabricantes faz com que as pessoas troquem menos de smartphone, por exemplo.

Além disso, é a primeira vez desde 2010 que a Apple não está entre os dois primeiros lugares na lista de empresas que mais vendem celular.

 

Fabricante

Vendas no segundo semestre de 2018 (em milhões)

Participação de mercado em 2018

(em milhões)

Vendas no segundo semestre de 2017

(em milhões)

Participação de mercado em 2017

(em milhões)

Variação entre 2017 e 2018
Samsung 71.5 20,9% 79.8 22,9% -10,4%
Huawei 54.2 15,8% 38.5 11% 40,9%
Apple 41.3 12,1% 41 11,8% 0,7%
Xiaomi 31.9 9,3% 21.4 6,2% 48,8%
OPPO 29.4 8,6% 28 8% 5,1%
Outras 113.7 33,2% 139.5 40,1% -18,5%
Total 342 100% 348.2 100% -1,8%

 

Apesar de ter recuado mais de 10%, a Samsung manteve a liderança como a empresa que vendeu mais celular no terceiro trimestre de 2018. Foram mais de 71 milhões de aparelhos vendidos no mundo todo.

No Brasil, por exemplo, a lista de celulares mais vendidos em 2018 está recheada de smartphones Samsung. Um dos mais procurados é o Galaxy J7 Pro, um smartphone intermediário com tela grande e selfies de 13 megapixels com flash. Contudo, o modelo também foi o celular Samsung mais vendido de 2018.

Já a Apple, apesar de ter tido um crescimento tímido, foi ultrapassada pela fabricante chinesa Huawei, que cresceu mais de 40% no trimestre. Contudo, ela também conseguiu abrir uma boa diferença com relação a Apple, já que vendeu mais de 54 milhões de aparelhos, enquanto a marca da maçã se ateve a mais de 41 milhões.

 

Fabricantes chinesas dominam ranking de empresas que vendem mais celular

 

Com exceção da Samsung (sul-coreana) e da Apple (americana), as outras três marcas que mais venderam celular são chinesas.

Além da Huawei, Xiaomi e OPPO fazem parte do ranking. A primeira, vice-líder de mercado, também é conhecida por fabricar celular com boas câmeras. O Huawei P20 Pro, por exemplo, é considerado o melhor smartphone para fotos, de acordo com o site especializado DxOMark.

O modelo chinês marcou 109 pontos nos testes da página. A nível de comparação, o segundo colocado no ranking do DxOMark é o iPhone XS Max, que alcançou 105 pontos.

Logo atrás da Apple no ranking de empresas que venderam mais celular em 2018, a Xiaomi deixou o mercado brasileiro em 2016. Entretanto, é possível comprar diversos modelos no país. Porém, eles são importados.

Contudo, alguns rumores dão conta de que a marca estaria prestes a retornar oficialmente ao Brasil.

Já a OPPO é a segunda marca que mais vende celulares na China, atrás apenas da Huawei. Entretanto, em meados de 2018, a marca começou a operar no Paraguai, com expectativa de fazer a sua estreia em território Brasileiro em breve.

No geral, uma das grandes vantagens dos celulares chineses é a sua boa relação entre custo e benefício. Eles costumam trazer design e especificações que, muitas vezes, se aproximam muito de telefones top de linha como iPhone XS e Galaxy Note 9, por exemplo. No entanto, mantêm preços acessíveis, que os tornam muito cobiçados.

Contudo, de acordo com o levantamento do IDC, somadas as vendas das demais marcas, é possível notar uma forte queda com relação ao mesmo período de 2017. Foram mais de 113 milhões de aparelhos vendidos em todo o mundo. No entanto, o total representa uma queda de mais de 18%.