icone office 365

R$40 de desconto no Office 365 com o cupom: CD40

Teste de velocidade

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Comparativos

Novo levantamento mostra operadoras com 4G mais rápido do Brasil

Pesquisa levou em consideração segundo e terceiro trimestres de 2018. Veja o ranking e descubra qual é a operadora com o 4G mais rápido do Brasil.

Para saber qual é a operadora com o 4G mais rápido do Brasil, algumas empresas divulgam levantamentos periodicamente. Esse é o caso Ookla, desenvolvedora do aplicativo Speedtest.net.

Por meio dele, usuários conseguem medir a velocidade da sua internet móvel e banda larga. Sendo assim, a empresa reúne esses dados para fazer levantamentos recorrentes e mostrar quais operadoras oferecem as maiores velocidades.

Em novembro de 2018, a Ookla divulgou uma pesquisa com dados referentes ao segundo e ao terceiro trimestres de 2018. Entretanto, os resultados são parecidos com os revelados na pesquisa sobre o primeiro trimestre do ano.

Para ser mais precisa nos resultados, a pesquisa da Ookla levou em consideração mais de 4 milhões de testes feitos na aplicação. Contudo, eles foram realizados por mais de 1 milhão usuários únicos.

Além disso, o levantamento mostra que o Brasil está em 71ª posição no ranking mundial de velocidade. O dado leva em consideração a velocidade média de download em planos de telefonia móvel. Contudo, houve melhoria de 27% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Entretanto, quando o assunto é upload, o país cai para a 99ª posição. Isso mostra o quanto as operadoras brasileiras ainda podem evoluir nesse quesito. Na prática, o Brasil tem velocidade média de download de 18,5 Mbps e de upload de 7,52 Mbps.

A seguir, você confere o resultado da pesquisa da Ookla. Saiba qual é a operadora com o 4G mais rápido do Brasil. Além disso, descubra como está o ranking de velocidade da banda larga no país.

woman holding smartphone in car

Ranking mostra operadora mais rápida no segundo e terceiro trimestre

 

O levantamento da Ookla manteve a ordem das operadoras no ranking, em comparação com os dados do primeiro trimestre do ano. Sendo assim, a Claro permanece em primeiro lugar no quesito velocidade em 2018.

Entretanto, desta vez, a Claro marcou 26,75 pontos, representando um avanço com relação ao primeiro trimestre. Na ocasião, a operadora alcançou 24,07 no chamado Speed Score.

Contudo, logo depois da Claro está a Vivo, com 17,59 pontos. Já a TIM

marcou 13,68 no Speed Score. Entretanto, Oi e Nextel ficam logo atrás. A primeira fez 10,63 pontos, enquanto a segunda marcou 8,42 pontos.

O Speed Score leva em consideração 90% da velocidade de download e 10% da de upload para chegar aos números apresentados.

No primeiro trimestre de 2018, a Vivo marcou 16,37 pontos, a TIM fez 13,32, a Oi 10,66 e a Nextel 8,93. Sendo assim, é possível observar que apenas a Oi e a Nextel tiveram ligeira queda na pontuação. Contudo, as demais operadoras apresentaram melhorias em suas pontuações nos testes de velocidade da Ookla.

Além desses dados, a Ookla também revelou as cidades com a maior velocidade de internet 4G no Brasil. O ranking é liderado por Porto Alegre, seguida de Curitiba e Brasília. Logo após aparecem Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte.

 

Confira também o ranking de velocidade banda larga

 

Além de apresentar os resultados da velocidade 4G na telefonia móvel, a Ookla também revelou a operadora de banda larga mais veloz. Em um teste semelhante, a empresa da América Móvil também ficou em primeiro lugar.

Contudo, nesse caso, a NET Virtua marcou 30,73 pontos. Já a TIM Live obteve 29,99 pontos, enquanto a Vivo tem 25,84 pontos. Contudo, em último lugar está a Oi, com 7,05 pontos.

De acordo com a Ookla, o Brasil está na 65ª posição no ranking de velocidade mundial de banda larga. O país aparece logo depois da Índia. No Brasil, a velocidade média da banda larga é de 23,64 Mbps para download, e de 10,57 Mbps para upload.

No ranking de cidades com a banda larga mais rápida do país, a vencedora foi São Paulo. Logo após estão Curitiba, Porto Alegre, Brasília, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

voltar para o top