icone office 365

R$40 de desconto no Office 365 com o cupom: CD40

Teste de velocidade

Blog

É possível trocar o processador de um celular?

Descubra se é possível realizar upgrades nos componentes de um smartphone.

Trocar peças e componentes de notebooks e PCs é relativamente normal. Placa-mãe, placa de vídeo e memória RAM estão entre as alterações mais realizadas. Mas será que é possível seguir essa mesma lógica e trocar o processador de um celular ou outro elemento de sua configuração?

Na verdade, não. A maneira que os smartphones são construídos impedem que qualquer alteração nesse sentido seja realizada.

Em termos simplificados, os componentes principais de um smartphones ficam todos reunidos em um chipset. Isso inclui CPU (unidade de processamento geral) e GPU (unidade de processamento gráfico), memória RAM, armazenamento e vários outros elementos, como sensores e antenas de recepção e conectividade. 

O chipset é uma peça única que unifica todos esses componentes responsáveis pelo funcionamento geral do seu smartphone. Essa peça não pode ser dividida ou removida do aparelho. Ou seja, não só nenhum elemento pode ser alterado, como o próprio chipset não pode ser trocado.

 

Agora que você já sabe a importância do processador, ou chipset, do celular, escolha o melhor smartphone com desempenho poderoso na loja online da Claro!

Vantagens e desvantagens do uso de chipsets

Normalmente, quando falamos de processadores de smartphones, estamos nos referindo a todo o conjunto do chipset, com elementos escolhidos para trabalhar em conjunto. 

Ou seja, chipsets mais evoluídos, como o poderoso Qualcomm Snapdragon 855 do Galaxy Note 10 e do LG G8S ThinQ, contam com um conjunto avançado de CPU, GPU, memória RAM e demais sensores e antenas, otimizando o desempenho geral do aparelho.

Esse tipo de construção oferece algumas vantagens. Para começar, essa estrutura facilita a produção dos aparelhos e permite que os smartphones sejam dispositivos leves e compactos. Além disso, o conjunto de componentes unificados também otimiza o gasto energético do smartphone. 

O lado ruim, é claro, fica por conta da falta de liberdade de customização, upgrades ou mesmo troca de peças danificadas. É por isso que, dependendo do defeito apresentado pelo smartphone, não é possível realizar reparos.

 

Na TIM você também encontra os melhores smartphones avançados disponíveis no Brasil!

 

voltar para o top