icone office 365

R$40 de desconto no Office 365 com o cupom: CD40

Teste de velocidade

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Xbox

Devil May Cry: Definitive Edition – Review

Reedição da Capcom e da Ninja Theory leva o game a outro nível

Nem sempre é fácil acreditar que uma reedição pode valer a pena. Afinal, por que ver aquilo que gente já conhece? Bem, com o game DMC Devil May Cry: Definitive Edition, a coisa muda de figura. Esse “edição definitiva” do nome faz todo o sentido, e realmente o jogo alcançou um novo nível, e bem mais avançado.

Assim como a primeira versão, DmC Devil May Cry foge da narrativa original da franquia. Aqui, o jogador encontra uma nova interpretação do universo de Devil May Cry. A diferença não fica só na narrativa, mas também mostra sua influência nas dinâmicas do jogo.

Com DmC Devil May Cry: Definitive Edition, os recursos técnicos acompanham essa variação do enredo e chegou com melhorias significativas.

DmC Devil May Cry: Definitive Edition é um dos muitos títulos disponíveis no Xbox Game Pass, serviço de assinatura de games da Microsoft para Xbox One. Outro jogos que o assinante tem acesso incluem Far Cry 5 e Marvel vs Capcom: Infinite, além de vários games exclusivos para Xbox One.

 

Veja mais detalhes sobre DmC Devil May Cry: Definitive Edition e descubra o que mudou no reboot:

 

Aproveite o Devil May Cry: Definitive Edition e centenas de outros jogos com o Xbox Game Pass!

 

Full HD a 60 FPS

 

Essa é a primeira diferença óbvia de DmC Devil May Cry: Definitive Edition. Por algum motivo, DmC Devil May Cry foi lançado originalmente em 30 FPS, o que não deixou os fãs nada felizes. Com a reedição, DmC Devil May Cry: Definitive Edition volta ao formato de 60 FPS, que deixa o game muito mais fluído.

Aliás, os fãs foram os responsáveis por algumas mudanças vistas em DmC Devil May Cry: Definitive Edition. Os produtores atenderam a alguns pedidos de quem já conhecia a franquia, em busca do melhor resultado possível.

Com isso, DmC Devil May Cry: Definitive Edition ganhou uma nova jogabilidade, na qual os combos simples são encaixados com mais facilidade. Contudo, os combos complexos e avançados ficaram mais difíceis, o que ajuda a deixar o game mais dinâmico. Outras mudanças foram uma nova mira manual e sistemas de cobertura mais eficientes. Além, claro, de algumas variações oferecidas por esse “universo paralelo” da história de DmC Devil May Cry.

 

Informe Publicitário
Tim

Melhor oferta

300MB

serviços digitais

Serviços Tim
A partir de
R$
120,00

por
mês

Vivo

Melhor oferta

200MB

serviços digitais

Vivo
A partir de
R$
99,99

por
mês

Oi

Melhor oferta

200MB

serviços digitais

Serviços Oi
A partir de
R$
99,90

por
mês

Net

Melhor oferta

120MB

serviços digitais

Serviços Net
A partir de
R$
99,00

por
mês

 

DLCs liberados

 

Outra vantagem bem legal de DmC Devil May Cry: Definitive Edition em relação ao original é que todos os DLCs agora fazem parte do pacote completo do game. Isso mesmo, sem custo extra. Isso inclui novos personagens, novas armas e mais roupas e acessórios.

Contudo, a maior vantagem fica por conta da adição de novos modos do game, que variam ainda mais em níveis de dificuldades. Mais um ponto para os fãs, já que superar os “modos hard” do game sempre foi um dos principais desafios da franquia.

Também é possível alterar o tempo de jogo com o Turbo Mode, que aumenta a velocidade do game em cerca de 20%, deixando os desafios com ação mais ágeis e frenéticos.

Entre os DLCs, o jogador pode acessar o Vergil’s Downfall, para conduzir os movimentos e ações de Vergil e acompanhar sua história após o fim da campanha principal. O comemorado Bloody Palace também está de volta. Agora, a arena conta com 60 novos desafios.

DmC Devil May Cry: Definitive Edition agrada tanto aos antigos fãs da franquia, quanto aos novos jogadores. O reboot é mais do que justificado com novas dinâmicas, visual muito mais rico, níveis de dificuldades ainda mais variados e todas as possibilidades dos DLCs

 

voltar para o top