Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Blog

Conheça as verdades e ficções da série Chernobyl

Seriado chama atenção por conter muitos detalhes e informações verdadeiras

Recentemente foi lançado a série Chernobyl, exibida pela HBO, e que retrata o acidente nuclear ocorrido na Ucrânia em 1986. A série, com apenas 5 episódios fez bastante sucesso e de acordo com o site do IMDb, plataforma que reúne impressões populares do público, é o seriado de TV melhor avaliado dos últimos tempos. 

Chernobyl é baseado em fatos reais, mas é importante destacar o que, de fato, é verdadeiro e o que é ficção no seriado. Vale ainda dizer que o diretor Craig Mazin afirmou que tentou criar uma roteiro sem exageros, já que a história em si já é recheada de drama, desespero, e horror. 

Confira abaixo algumas verdades e ficções da série Chernobyl! 

Valery Legasov e Boris Shcherbina

Conheça as verdades e ficções da série Chernobyl

Os dois personagens realmente existiram, mas a amizade entre eles, como retratada na série, não se sabe ao certo se é verdadeira. 

Valery Legasov era químico, auxiliou nas investigações do acidente e cometeu suicídio em 1988, dois anos após o desastre. Em 1996, foi considerado um herói russo através de uma condecoração póstuma. 

Boris Shcherbina era vice presidente do Conselho de Ministros da União Soviética e comandou parte da evacuação nas áreas próximas ao desastre. 

Vasily e Lyudmilla Ignatenko

Conheça as verdades e ficções da série Chernobyl

O casal Vasily e Lyudmilla Ignatenko realmente existiram. Vasily era bombeiro e, como foi um dos primeiros a chegar no local do acidente, morreu duas semanas depois devido ao material radioativo. 

Já Lyudmilla estava grávida quando aconteceu o acidente, como é retratado no seriado, e também confessou no livro “Vozes de Tchernóbyl: a história oral do desastre nuclear” que pagou propina ao hospital para que pudesse ver o seu marido. 

Ulana Khomyuk

Conheça as verdades e ficções da série Chernobyl

A personagem da cientista Ulana Khomyuk  não existiu na história real, porém, foi a forma que os criadores do seriado acharam para juntar em uma só personagem, vários pesquisadores que ajudaram na diminuição dos efeitos do acidente. 

Queda do Helicóptero

Conheça as verdades e ficções da série Chernobyl

A cena da queda do helicóptero é impressionante e verdadeira. Realmente foi enviado uma esquadrilha de helicópteros para jogar areia e tentar diminuir os efeitos da explosão, sendo que um deles caiu. 

Na série, a queda do helicóptero é retratada dois dias depois do acidente, mas na realidade ocorreu semanas depois. 

Efeitos da radiação

Conheça as verdades e ficções da série Chernobyl

Os efeitos da radiação retratada na série pode parecer exagero, mas não é. A pele vermelha, as queimaduras, náuseas e sangramentos realmente existiram. Destaque ainda para a fala do ex operador Braus, que disse que as reações à radiação mostradas na série foram muito precisas com o que realmente aconteceu.

 

Com a Banda Larga da Vivo é possível assistir séries e filmes em streaming com a máxima estabilidade! Conheça os planos na sua região e contrate já!