Comparativos

Comparativo Xiaomi Mi Band 2 vs Mi Band 3

Veja as diferenças entre as pulseiras inteligentes da Xiaomi: Mi Band 2 e Mi Band 3. Lançadas em 2016 e 2018, respectivamente, elas contam funções em comum.

Lançada em 2016, a Mi Band 2 é a segunda versão da pulseira esportiva da Xiaomi. Sua sucessora, a Mi Band 3, chegou em 2018. Ela trouxe algumas melhorias como tela maior, conexões aprimoradas e maior capacidade de bateria.

Contudo, os dois modelos ainda são vendidos em diversas lojas online, tanto no Brasil quanto fora. Portanto, é importante saber as diferenças entre a Mi Band 2 e a Mi Band 3. Assim, você pode comparar as especificações e os preços e escolher a pulseira inteligente ideal para você.

Para facilitar, confira a seguir o comparativo de ficha técnica da Mi Band 2 e da Mi Band 3.

 

Na loja online da TIM você encontra os melhores smartphones para usar com as pulseiras inteligentes da Xiaomi. Confira!

 

Tela da Mi Band 3 está maior e com melhor resolução

Apesar do visual bastante semelhante entre as duas pulseiras inteligentes, a terceira geração tem display maior. São 0,78 polegadas, enquanto a Mi Band 2 traz 0,42 polegadas.

Ambas as telas contam com a tecnologia OLED, que deve apresentar cores bastante brilhantes e pretos profundos. Além disso, a resolução da Mi Band 3 também ficou melhor. Agora são 128 x 80 pixels. Já a Mi Band 2 tem 72 x 40 pixels.

Contudo, a Mi Band 3 está um pouco maior, apesar de manter seu peso. São 46.9 x 17.9 x 12 mm contra 40.3 x 15.7 x 10.5 mm da Mi Band 2. O modelo mais recente pesa 20 g, enquanto o mais antigo tem 19 g.

Outra diferença no visual é que a Mi Band 3 não tem mais botão físico. Contudo, em ambos os modelos é possível comprar pulseiras diferentes para customizar o smartwatch. Elas estão disponíveis em materiais como borracha, metal ou mesmo couro.

 

Ambas são resistentes à água, mas Mi Band 3 pode ir mais fundo

 

Uma especificação importante em ambos smartwatches é a resistência à água. Entretanto, ela é ainda maior na Mi Band 3. Isso porque a Mi Band 2 conta com a certificação IP67. Ela garante que o usuário possa mergulhar com a pulseira inteligente a até 1 metro de profundidade, por até 30 minutos.

Contudo, na Mi Band 3 essa proteção é ainda maior, de 5 ATM. Isso quer dizer que ela pode ficar submersa a até 50 metros de profundidade. Bastante, não?

 

Conectividade e bateria também tiveram melhorias na Mi Band 3

 

Como era de se esperar, a Mi Band 3 traz diversos upgrades com relação ao modelo anterior, a Mi Band 2. Entre eles está a capacidade da bateria. Ela passou de 70 mAh para 110 mAh.

Entretanto, como tem tela maior, a tendência é que a Mi Band 3 também consuma mais energia. Sendo assim, ambas as pulseiras inteligentes podem ser usadas por mais ou menos 3 semanas, ou aproximadamente 20 dias com apenas uma recarga.

Além disso, o Bluetooth passou da versão 4.0 na Mi Band 2 para 4.2 na Mi Band 3. A evolução torna a conexão mais potente e também mais econômica.

Outra novidade é que a Mi Band 3 está disponível em uma versão com NFC. A conexão sem fio é conhecida por ser usada em smartphones quando se quer fazer pagamentos por meio de sistemas como Samsung Pay ou Apple Pay, por exemplo.

Dessa forma, é possível usar a pulseira inteligente da Xiaomi para autenticar esses pagamentos sem que seja necessário tirar o smartphone do bolso.

Contudo, as duas pulseiras inteligentes são compatíveis tanto com celulares Android quanto com dispositivos com sistema operacional iOS (iPhone). No entanto, a integração pode ser maior em aparelhos Android.

 

Informe Publicitário
Tim

Melhor oferta

100MB

serviços digitais

Serviços Tim
A partir de
R$
117,00

por
mês

Vivo

Melhor oferta

100MB

serviços digitais

Vivo
A partir de
R$
129,99

por
mês

Oi

Melhor oferta

25MB

serviços digitais

Serviços Oi
A partir de
R$
114,90

por
mês

Net

Melhor oferta

120MB

serviços digitais

Serviços Net
A partir de
R$
99,00

por
mês

 

Quais são as principais funções dos smartwatches Xiaomi?

 

Tanto a Mi Band 2 quanto a Mi Band 3 contam com funções como relógio e contador de passos (pedômetro). Além disso, as pulseiras inteligentes exibem as notificações do celular em suas telas.

Contudo, uma vantagem da Mi Band 3 é que, em alguns aplicativos, é possível visualização não só as notificações, mas também o conteúdo delas.

Pensando na saúde, as pulseiras da Xiaomi contam com sensor cardíaco, que medem a frequência em exercícios ou durante o sono, por exemplo. Por falar nisso, o monitor do sono informa sobre a qualidade do seu sono, mostrando se você está descansando o suficiente.

Outro recurso comum aos dois relógios inteligentes é o que identifica quando você está longe do seu celular. Essa função é interessante para evitar que você perca o aparelho, por exemplo.

Além disso, os dois modelos contam com o chamado “despertador inteligente”, que começa a tocar lentamente. Então, começa a acelerar para que você ouça e consiga desligar antes de acordar todo mundo junto.

 

Quanto custam as pulseiras Mi Band 2 e Mi Band 3?

 

Apesar de não serem oficialmente vendidas pela Xiaomi no Brasil, é possível comprar a Mi Band 2 e a Mi Band 3 no país. Diversas lojas online vendem a Mi Band 3 por cerca de R$ 170. Já a Mi Band 2 é encontrada por aproximadamente R$ 120.