Dicas

Como fazer a portabilidade do seu número de celular

Saiba tudo sobre o processo de portabilidade do seu número de celular

Com tantas opções disponíveis, pode ser que você encontre um plano de telefonia e dados que se encaixe melhor no seu dia a dia, mas de uma operadora diferente da que você utiliza.

Embora a mudança seja atrativa, você fica com receio de ter que mudar seu número de telefone, certo? Só de imaginar o trabalho que vai dar avisar aos seus contatos e atualizar toda a sua agenda… Ufa!

Mas desde 2007, uma resolução da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), ajuda a evitar esse problema através da portabilidade, um serviço obrigatório para que você possa trocar de operadora sem mudar o seu número.

Como fazer a portabilidade do celular e tirar todas as suas dúvidas sobre o processo

Em primeiro lugar, faça uma pesquisa e escolha o plano que você pretende contratar para o seu celular. Considere informações importantes em relação ao uso de chamadas e mensagens e à franquia de dados, além de possíveis promoções, claro!

Depois, verifique se existe alguma pendência com a operadora atual, como contas em atraso ou multas por quebra de fidelidade (que pode ter duração de até 12 meses após a contratação do plano).

Mas atenção, não cancele o seu atual! Para realizar a portabilidade, é preciso que seu número esteja ativo, ou seja, em funcionamento.

Se estiver tudo certinho, entre em contato com a nova operadora para fazer a contratação do plano que você escolheu.

A nova operadora de telefonia é a responsável por entrar com o pedido de portabilidade e cancelamento do serviço anterior, então você só precisa seguir as orientações oferecidas no momento da contratação, sem nenhuma necessidade de entrar em contato com a operadora antiga.

Algumas operadoras permitem que o processo de portabilidade seja feito por telefone, mas, em alguns casos, o titular da conta pode precisar comparecer a uma loja física. Descubra qual o procedimento da prestadora de serviço escolhida.

De qualquer maneira, é importante ter em mãos informações como nome completo, endereço, CPF e documento de identidade do titular da conta, além do número do telefone que vai passar pelo processo de portabilidade.

O serviço de portabilidade é pago?

A Anatel estabeleceu uma taxa máxima de R$4, que pode ser cobrada pela nova operadora contratada. Mas muitas delas isentam o novo cliente do pagamento dessa taxa, e até oferecem promoções para quem contrata um novo serviço. Vale perguntar sobre essa possibilidade!

Quanto tempo demora para fazer a portabilidade do número de celular?

A partir do momento em que você entra com o pedido na nova operadora, a empresa tem até 72 horas para concluir a portabilidade. Não deixe de guardar o número do protocolo de atendimento de cada etapa do processo, para que você possa acompanhar tudo direitinho.

Ao concluir a contratação de um novo plano, a própria operadora vai informar um prazo e agendar a mudança do serviço, para que você possa trocar o chip atual pelo novo.

Eu vou ficar sem celular durante a mudança de operadora?

Sim, por um período que pode variar de duas até 24 horas. Mas, normalmente, a sua nova linha é habilitada no menor prazo possível. De qualquer maneira, tente agendar a mudança para um horário em que você não vá precisar usar o celular.

Muitas vezes, o seu chip atual fica sem serviço no momento em que o processo de portabilidade é iniciado. Aguarde cerca de duas horas para verificar se a nova operadora já está funcionando.

Com planos pós pagos, é preciso pagar duas contas no mês seguinte?

Aqui é muito importante ficar atento para evitar dívidas! No mês seguinte à portabilidade, você provavelmente vai receber duas contas de celular: uma da nova operadora e uma da operadora antiga.

Mas ambas terão valores proporcionais ao período utilizado, ou seja, a conta da operadora antiga deve contar até o dia da mudança de serviço, enquanto a conta da nova operadora conta a partir da portabilidade, até a data escolhida para fechar o seu plano.

Também é importante ficar atento a taxas extras, como multas por atrasos anteriores ou quebra do período de fidelidade do plano antigo.

Ah, claro que isso só vale para planos controle e pós pagos! Caso você use um plano de celular pré-pago, não precisa se preocupar.

Atenção com os contatos salvos no chip do celular

Bem, ao trocar de operadora, você também vai trocar o chip, ou  SIM Card, do seu aparelho, certo?

Isso quer dizer que todas as informações salvas SIM Card serão apagadas, inclusive os contatos que você optou por salvar no chip.

Para evitar que você perca contatos importante, vale passar toda a sua agenda para o aparelho ou contas em nuvem do Google (em aparelhos com sistema operacional Android) ou Apple (em iPhones), que podem guardar essas informações para que sejam acessadas com o novo chip.

 

Deixe um comentário

avatar