Smartphones

Como escolher o melhor celular para você

Veja como comprar o celular certo para o que você precisa

Já procurou um celular para comprar e ficou confuso com tantas opções, configurações e detalhes diferentes? Acredite, você não é o único!

Para fazer a melhor escolha, é preciso pensar em como você usa o celular no seu dia a dia, quais funções acessa mais e o que você pretende ter de melhor, mais ou menos como faz na hora de escolher o melhor plano de celular.

Por exemplo, se você usa muitas redes sociais ou passa muito tempo vendo filmes e séries em streaming, vai procurar um plano com acesso ilimitado ou bônus para esses aplicativos, certo?

Então, para escolher o melhor celular para você, a linha de pensamento é bem parecida, afinal, o mais importante é apostar no custo/benefício, ou seja, em como encontrar tudo o que você precisa pelo menor preço possível.

Então vamos explicar melhor algumas coisas que você deve saber para comprar o celular ideal para o seu dia a dia:

Quais aplicativos eu quero usar?

Quem vai comprar um smartphone para acessar redes sociais e aplicativos de mensagens, como WhatsApp, Facebook e e-mails, pode focar em modelos com processadores quad-core, com quatro núcleos e memória RAM de 1GB, que vão funcionar bem nesses casos. Mas atenção: ao abrir aplicativos um pouquinho mais pesados, esses aparelhos podem ficar lentos.

Por isso, se, além desses aplicativos mais leves, você também quer baixar o Instagram e apps de filmes e séries em streaming, como a Netflix, é melhor escolher um smartphone com processadores octa-core e RAM de 2GB ou 3GB, para evitar que o aparelho fique lento ou apresente lentidão.

Já quem vai baixar jogos médios ou quem costuma fazer várias coisas ao mesmo tempo, como alternar entre reprodução de vídeos do YouTube e as redes sociais ou aplicativos de mensagem, deve apostar em smartphones um pouco mais robustos, com processador octa-core e RAM de 4GB.

Os chamados modelos top de linha ou avançados, com processadores de oito núcleos de melhor desempenho e memória RAM de 6GB ou mais, são indicados para aquelas tarefas realmente muito pesadas, como os jogos mais exigentes, aplicativos de edição de imagens e outras utilizações mais complexas.

Como saber se o espaço de armazenamento é bom?

Mais uma vez, pense na sua rotina. Atualmente, o mínimo indicado é um modelo com armazenamento de 8GB, para que você possa baixar os aplicativos mais populares e salvar arquivos leves, como fotos, que também podem ser armazenadas em cartões de memória.

Caso você queira um espaço mais “confortável”, o ideal é um smartphone com armazenamento de 16GB, o necessário para salvar mais aplicativos e ainda sobrar espaço para uma boa quantidade de fotos e vídeos leves.

Os modelos com 32GB, armazenamento bem comum na categoria de smartphones intermediários, costumam atender bem na maior parte das situações, com muito espaço para apps, fotos e até vídeos em HD ou Full HD.

Finalmente, os smartphones com 64GB ou mais, que podem chegar a até impressionantes 256GB ou 512GB nos modelos mais avançados, são indicados para quem pode investir em preços mais altos, mas não quer se preocupar em ficar sem memória no celular.

Tamanho e definição de tela

Assim como nas outras configurações, os modelos mais simples têm tela menor em tamanho e resolução, que podem não ser muito bons para quem passa mais tempo vendo vídeo ou prefere uma área de trabalho mais espaçosa, enquanto os mais avançados oferecem telas grandes e com alta qualidade de imagem.

Mas alguns smartphones intermediários, mais baratos que os top de linha, têm telas bem confortáveis para navegar com mais espaço e são boas alternativas para quem quer um celular para ver filmes e séries na Netflix e outros aplicativos de vídeos em streaming.

Conexão 4G, 3G e Wi-Fi

Obviamente, a velocidade da internet, seja a internet móvel dos telefones ou do sinal Wi-Fi, é essencial para que você possa navegar bem nos aplicativos, afinal, uma configuração avançada não adianta muita coisa se você não tiver sinal de qualidade.

Embora algumas operadoras já ofereçam a internet 4,5G, a conexão rápida mais conhecida é a 4G, disponível todos os smartphones intermediários ou avançados, e até em alguns modelos mais simples. Se a sua operadora oferece esse serviço na sua cidade, vale investir.  Esses celulares também podem acessar as redes 3G e Wi-Fi normalmente.

Você ainda pode encontrar celulares básicos com conexões 3G e Wi-Fi, que costumam ser bem mais baratos e não vão ter problemas em acessar sites, aplicativos e redes sociais, mas não apresentam a mesma velocidade de navegação do 4G.

Outras características e recursos importantes

Até agora, nós falamos dos pontos principais de um smartphone, ou seja, aqueles que definem a sua velocidade de trabalho e navegação. Mas as características dos aparelhos podem ir muito além disso.

Então, você também deve ficar atento às características das câmeras, caso queira um celular bom para fotos, ou em modelos com TV Digital integrada, caso queira a possibilidade de ver os canais da TV aberta no celular e até mesmo nos recursos extras de navegação que cada marca e modelo costuma oferecer.

Ao pesar as características mais importantes para o seu dia a dia e os modelos que melhor atendem a elas, você tem mais chances de comprar um celular com bom custo/benefício.

Deixe um comentário

avatar