Teste de velocidade

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Dicas e curiosidades

Como escolher o carregador portátil ideal

Listamos alguns itens importantes a serem observados na hora escolher o carregador portátil ideal. Confira e descubra como escolher a melhor opção para você.

Ter um carregador portátil sempre à mão pode ser a salvação em muitos casos. Um exemplo é em uma viagem, em que você precise do celular para registrar todos os momentos. Além disso, eles podem ser usados em outros dispositivos, como notebooks, caixas de som e fones de ouvido Bluetooth.

Mas você sabe como escolher o carregador portátil ideal? Eles podem ser muito semelhantes quanto ao design, mas contam com especificações técnicas que variam bastante.

Uma delas é a capacidade de recarga da bateria extra. Hoje em dia, os celulares costumam contar com cerca de 3.000 mAh de capacidade de bateria. No entanto, alguns modelos podem ir além, como é o caso do Galaxy Note 9, que tem 4.000 mAh. Contudo, os celulares com as melhores autonomias chegam aos 5.000 mAh, como por exemplo o Moto E5 Plus.

A seguir, você fica sabendo como escolher o carregador portátil ideal, observando especificações importantes. Confira!

 

Encontre os melhores celulares na loja online da Claro e aproveite para escolher o plano de internet ideal!

 

Certificações de segurança

 

Para começar, é muito importante ter certeza de que são mínimas as chances de ter problemas com um carregador portátil. Portanto, antes de comprar um modelo, observe se ele tem o selo da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que é obrigatório para carregadores de celular.

Entretanto, se a bateria portátil for voltada para outros aparelhos, como notebooks, procure pelo selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Contudo, se você for fazer a compra de um carregador portátil fora do país, o ideal é apostar em marcas renomadas e que respeitam legislações internacionais, como é o caso da Samsung, da Sony, da Asus, da Pineng e da TP-Link.

Fazendo isso, você a garante de segurança em casos como contra superaquecimento e curto-circuito. Além disso, é muito importante não usar carregadores portáteis considerados piratas ou de marcas que você não conheça e confie.

Isso por que, em muitos casos, essas baterias não passam por testes capazes de garantir a segurança dos aparelhos durante o funcionamento. Portanto, os riscos podem ser até mesmo de explosão.

 

Capacidade do carregador portátil

 

A capacidade do carregador portátil é outro ponto importante a se observar na hora de fazer a compra. Ela é medida em miliampère-hora (mAh). Portanto, o ideal é comprar um carregador portátil que tenha ao menos a mesma capacidade do seu smartphone (ou dispositivo que quer carregar). Assim, você garante no mínimo uma carga completa – ou quase isso – em caso de necessidade.

 

Potência de recarga

 

Agora, a potência da bateria precisa ser igual ou maior do que a do celular para que ocorra a carga. Essa especificação é medida em Watts (W). Para chegar a esse número, são multiplicados os Volts (V) e os ampères (A). Eles correspondem à potência de entrada e de saída de bateria do celular.

No entanto, a transferência de carga também gasta energia. Portanto, se você tem um carregador portátil de 3.000 mAh e um celular com 0% de carga e capacidade de 3.000 mAh, é provável que ele não seja carregado até os 100% de uma só vez, pois parte dessa energia será “perdida”.

 

Carregador de tomada e cabo conector

 

Se você tem ou já teve um carregador portátil sabe que eles não costumam vir com carregador de tomada. Portanto, acompanham apenas o cabo USB. Sendo assim, é importante que você já tenha o acessório para conseguir fazer as recargas na bateria extra.

Porém, caso não tenha, será possível fazer o carregamento em um notebook ou computador de mesa (desktop), por exemplo.

No entanto, o carregamento em outras fontes, sem ser a tomada, pode ser muito lento. Todavia, o ideal é ter um carregador de parede de ao menos 15 W de potência para fazer as recargas na bateria portátil.

Além disso, é importante estar atento ao cabo conector. Geralmente, os carregadores portáteis acompanham cabo USB. Eles podem ser bastante úteis para carregar aparelhos como notebooks e caixas de som. Entretanto, para celulares, o conector precisa ser diferente.

Atualmente, os modelos costumam usar micro USB ou USB-C. Já os celulares da Apple contam com entrada Lightning. Contudo, uma solução possível é usar o próprio cabo do carregador do celular no carregador portátil. Entretanto, também dá para comprar um cabo desses em uma loja especializada.

voltar para o top

Deixe um comentário

avatar