Blog

CastleStorm – Review

Jogo de tower defense e estratégia em tempo real aposta na diversão.

O jogo CastleStorm ganha pontos ao misturar elementos de tower defense e estratégia em tempo real. Também é possível perceber uma boas pitadas de cultura pop e até um pouquinho de Angry Birds.

Seu objetivo não poderia ser mais simples. O jogador precisa defender sua torre e os territórios do seu castelo enquanto encontra caminhos para destruir a torre rival.

Para isso, podem ser adotadas estratégias como invadir os muros do oponente, contar com a ajuda de alguns seres míticos, encarnar um guerreiro Viking pronto para partir para a ação ou usar uma catapulta. Aliás, é nessa arma que estão alguns dos elementos mais divertidos de CastleStorm, já que você pode lançar “armas” tão diversas quanto o martelo de Thor e cabras.

Entretanto, essa premissa aparentemente simples esconde um jogo de estratégia bem construído e mais complexo do que parece.

 

Jogue agora CastleStorm e mais de cem jogos quando quiser com o Xbox Game Pass!

 

Defesa, ataque e humor

 

A história não passa muito disso: defenda seus territórios e ataque os inimigos. Contudo, as cenas são recheadas de bom humor e boas sacadas de referências da cultura pop, como Game of Thrones e Skyrim.

As mecânicas são apresentadas em uma curva de aprendizado coerente e intuitiva. Embora já comece em ritmo acelerado, o jogador tem tempo suficiente para entender o gameplay e traçar estratégias, o que é bem importante ao longo das missões.

Para evitar que o game fique repetitivo, a cada nova missão é preciso adotar uma nova linha de ataque ou defesa, o que faz com que todos os elementos do game sejam bem aproveitados. O único ponto mais difícil é dominar os ataques feitos com a tal catapulta, que pede um pouco mais de paciência.

Porém, isso não chega a comprometer o bom andamento de CastleStorm, que oferece ações dinâmicas e sem aquela sensação de fazer mil vezes a mesma coisa.

 

Gráficos divertidos e coloridos

 

Com visual em 2D, CastleStorm tem cenários bem coloridos e física realista, o que é percebido, principalmente, nas catapultas e nas cenas de destruição das torres. A proposta visual é bem simples, mas eficiente, desde a ambientação até os personagens.

Mais do que pontos de localização, os castelos servem como bases para o gerenciamento de recursos. Dessa forma, sua construção e expansão, assim como o armazenamento de alimentos e outros itens importantes, também devem ser considerados na estratégia.

CastleStorm conta com um modo campanha single player e modos cooperativos e competitivos para dois jogadores.

 

CastleStorm no Xbox Game Pass

 

Lançado originalmente para Xbox 360, CastleStorm ganhou retrocompatibilidade para Xbox One. O game é uma das centenas de opções disponíveis no Xbox Game Pass, serviço de assinatura com jogos da Microsoft para Xbox One.

Vale lembrar que a empresa já liberou o lançamento do Game Pass para Windows, com as mesmas vantagens da versão para console. Além disso, a Microsoft também lançou o Xbox Game Pass Ultimate, que junta os títulos disponíveis para Xbox One e PC com os benefícios do Xbox Live Gold.